Aprovada obrigatoriedade de porta giratória em agências

Na sessão da Câmara de Vereadores de Lagarto desta terça-feira, 23 de maio, o primeiro orador inscrito no pequeno expediente foi JC, informando que solicitará ao Poder Legislativo Municipal a folha de pagamento referente aos meses de Janeiro a Março. Também irá requerer ao Executivo Municipal os gastos e arrecadamentos do Balneário Bica. O segundo foi Gilberto da Farinha, comentando sobre a aprovação do reajuste da remuneração do Magistério, sobre a merenda escolar e o furto de carnes em creche localizada no Povoado Jenipapo. Fábio Frank, líder da situação, solicitou que denúncias relatadas em sessão sejam acompanhadas de provas, a exemplo de fotos. Na ordem do dia, foi aprovado o Projeto de Lei de Washington da Mariquita, que trata da obrigatoriedade de instalação de porta giratória, com detector de metais, nas agências bancárias em Lagarto. No grande expediente, a primeira a usar a tribuna foi Marta da Dengue, que comentou do Projeto de Lei aprovado na gestão anterior referente à remuneração dos professores municipais. “Reuniões foram realizadas, porém nada foi acordado pelos professores”, disse. Posteriormente, Josivan Rodrigues discorreu sobre suas indicações em que solicitam pavimentação em paralelepípedo do Bar do Leo ao campo de futebol e ruas adjacentes, localizadas no Povoado Porções; e disponibilização de agentes de combate às endemias para o serviço de mutirão em combate ao Aedes aegypti na Colônia Treze, tendo em vista o elevado índice de doenças em períodos de chuva. O parlamentar também comentou que em visitas realizadas em ruas da cidade, percebeu como estão sendo mal realizadas as obras pela empresa MRM. À parte concedida, JC, Josivaldo dos Brinquedos e Marta da Dengue demonstraram indignação quanto aos serviços prestados pela Empresa responsável pela obra de esgotamento sanitário em Lagarto. O terceiro a falar no grande expediente foi Alex Dentinho que parabenizou os colegas pela aprovação de Projeto de Lei de sua autoria, o qual instituiu, no calendário cívico-cultural do município, o “Trilhão”, evento que será realizado anualmente no município.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *